30 Abr

Rodízio de Pizza caseira em Forno à lenha

Por Lia Quinderé em 30/04/2012 às 13h30m

» Comentários (21)

Um dos programas favoritos da minha família é ir pra fazenda. E é sagrado aos sábados à noite, quando estamos lá, fazermos um rodízio de pizza. A criatividade toma conta de mim, quando me arrisco à assumir o fogão nesses dias… O que tiver na cozinha disponível como ingrediente, vira pizza!

Pra elas ficarem ainda mais gostosas, é importante ter o forno à lenha disponível. E lembrar de acendê-lo bem cedo, pra que ele fique bem quente. Mas não desistam de fazer o rodízio se não tiverem o forno. No forno convencional também fica uma delícia!!

Já fizemos uma vez, eu e o Marcelo, meu irmão, que também adora cozinha, a massa da pizza. Mas dá muito trabalho… Sempre temos optado por levar a massa pronta. É lógico que pra isso, você precisa ter um fornecedor de massa de pizzas bom! Em Fortaleza a gente sempre compra as massas da Padaria Ideal. A padaria é de um primo nosso, e meu pai conta, que o tio dele, quando começou a padaria, contratou um pizzaiolo de fora só pra desenvolver essa massa. Olha que valeu à pena! A massa realmente é na espessura perfeita, bem macia e crocante ao mesmo tempo…

Bom, pra começar eu fiz um molho de tomate bem especial (receita vai no final do post). Depois, regamos as massas com um fio de azeite, e colocamos no forno à lenha pra pré-assar. Depois cobrimos elas com o molho de tomate e depois colocamos o recheio de cada Pizza. Importante colocar orégano em todas as pizzas! Essa erva especial dá o gostinho da Itália!!!

Fiz uma de tomate cereja, com mussarela e manjericão. Essa foi a campeã. Muito gostosa.

Outra de pepperoni, com mussarela e requeijão.

Uma mais tradicional, de tomate, mussarela e manjericão.

Uma para os mais lights de mussarela de búfula, tomate seco e rúcula. Lembrando de na hora de levar ao forno tirar as rúculas, senão elas murcham… Depois que o queijo tiver derretido, você serve com as folhas.

E uma que também foi muito elogiada, de quatro queijos. Usei gorgonzola (um pouquinho só porque o queijo já é bem forte), mussarela, catupiry e ementhal.

Enquanto eu fazia, meu pai tocava violão. Ele adora tocar e eu adoro escutar… rsrsr

E finalizei com as pizzas doces. Nessas, eu não coloco nem azeite, nem o molho de tomate, lógico. Fiz uma de queijo com goiabada. Usei requeijão.

E a outra eu usei brigadeiro. Servidas com sorvete ficam uma delícia.

Segue a receita do molho de tomate mais gostoso do mundo! Eu aprendi esse molho com um italiano amigo dos meus pais, quando eu tinha uns 18 anos, e eu nunca esqueci…
Molho de tomate mais gostoso do mundo:
Azeite
08 Tomates sem semente
02 cebolas
02 dentes de alhos
01 pitada de coentro fresco
Orégano
Ketchup à gosto
01 col. de chá de mostarda
Sal à gosto
04 col. de Açúcar (esse é um segredinho especial, o açúcar tira a acidez do tomate e deixa o molho levemente adocicado)

Modo de preparo:
Refogue no azeite a cebola e o alho picados. Depois que estiverem translúcidos, acrescente mais azeite e os tomates cortados em cubos, sem as sementes. Misture e deixe o tomate amolecer no azeite. Não acrescente água! Deixe que o próprio tomate vai liberar a água que está contida nele. Adicione depois o ketchup, o coentro, a mostarda e o orégano. Coloque o açúcar. E por ultimo o sal à gosto. Vá provando para ver se o sal já realçou o gosto dos ingredientes… Deixe em fogo baixo até que os tomates estejam bem macios. E voilà!
Esse molho serve pra tudo que leva molho de tomate. Pizzas, massas, filé ou até camarão…
Espero que tenham gostado das dicas! Depois quero saber quem se aventurou nas pizzas!! Bjos e até a próxima!!!


Veja mais!

Tags: ,